29 maio 2011

Sobre a censura em Nova Londrina:

O site Destak Nova Londrina está à tempos recebendo o devido destaque na cidade e região. O mesmo espaço que este Blog já ocupou um dia, como espaço democrático para a livre manifestação da população novalondrinense, tão carente de informação, hoje tem sido ocupado pelo Destak.

Infelizmente, assim como este Blog sofreu censura (veja aqui, aqui e aqui), me parece que também o Destak está tendo que diminuir o seu ímpeto jornalístico, investigativo e de comentários da população.

Não sou fã do site. Muito pelo contrário. Penso que o mesmo é apelativo em muitos momentos, propagandístico político em outros e que o anonimato nos comentários gera repercussões negativas. No entanto, como diria o filósofo Voltaire “Não concordo com uma só palavra do que você diz, mas defenderei até a morte o seu direito de dizê-las”. Infelizmente, nem todos pensam assim!

Assim como neste Blog, agora é necessário fazer um login no site para comentar. Espero que a população dê a cara para bater e assine em baixo aquilo que pensa e diz. Nossa Constituição Federal garante a liberdade de expressão, mas veda o anonimato. Então, falar o que se pensa não é crime, desde que não ofendamos a honra de outrem.

Pelo Movimento Fala Nova Londrina.

Abaixo, texto de Ricardo Ronda, publicado no site Destak Nova Londrina, sobre o assunto. Leia e tire as suas próprias conclusões:




QUEM NÃO DEVE, NÃO TEME

Se algum dia você pediu um 'favorzinho' à um Guarda Rodoviário, se numa blitz do Ministério você pediu arrego. Se buscou formas de ganhar licitações com algum 'jeitinho', se usou do nome da 'família' para conseguir uma mesa em algum restaurante. Se resolveu erros profissionais com cestas básicas e esmolas, você não tem mais moral para impor nada.

O filtro é fino? Pois é.

E deixa quase todos nós presos nele, então, quem somos para pedir que outros tenham a moral ilibada em cem por cento que nós mesmos não temos?O assunto veio à calhar por causa da última investida do Osmar Milani em cima da liberdade de imprensa na Nova Londrina.

O Destak Nova Londrina se tornou o espaço mais democrático que nossa cidade já teve. Todos, e eu digo todos mesmo, tinham e tem o seu espaço garantido, gratuito, amplo e irrestrito.

Arlindo toma pau e não reclama, Roberto toma pau e não reclama, Marcelo toma pau e não reclama, Sonsim toma pau e não reclama, Vico toma pau e não reclama. Ronda toma pau e não reclama. Miguel toma pau e não reclama. Até o Dornellis toma pau e não reclama!

Pois bastou o Dr Osmar Milani mandar um email insultuoso à pessoa do Willian e com os que ele anda, ver-se publicado, como todos o são, para intentar censuras à livre manifestação do pensamento pelo Destak Nova Londrina.

Ora, o espaço é livre. Nunca na história desta cidade tantos apanharam tanto sem fazer nada de errado contra o veículo, matando o mensageiro, em vez de cuidar da mensagem.

É público e notório que todos são insultados alí. Virou isso. Mas havia também a concordância explícita em todos que o importante era o espaço de manifestação, e quem não gostava não abria o site. O que importava, e importa, é que todos podiam manifestar-se da forma que quisessem, anonimamente ou não, elogiávelmente ou não.

No universo político, é melhor ser mal falado que inexistente. Falem bem ou falem mal, mas falem de mim!

Infelizmente, o Dr Osmar Milani, que não tem participação expressiva em nenhum movimento político atuante em nossa cidade, que afora a Pontal, não tem nenhum veículo onde expresse suas idéias, se é que as tem; por causa de comentários sobre o seu email resolveu pressionar o Destak Nova Londrina a que fechasse sua caixa de recados.

Oxigênio da discussão, termômetro da temperatura política, descarrego biliar de muitos, os recados do Destak Nova Londrina eram uma lufada de liberdade nesta Nova Londrina tão carente de crítica, dentre outras carências. Pelos comentários, avaliava-se perifericamente o 'quem é quem' municipal, destilava-se mágoas, rancores e reclamações que nem sempre se tinha a coragem de fazer de público, num trabalho até de profilaxia mental, aliviando tensões pela caneta, e não pelos punhos ou pelas armas.

Pois bastaram três comentários desairosos sobre a figura do Dr Osmar Milani para que ele se enchesse de pruridos morais epressionando, fechasse esta torneira do povo, sempre aberta à todos os sedentos e sempre abundante.

Como já tinha fechado os ouvidos da população de três municípios à Palavra Santa do Padre Manzotti. Como já tinha trancado nosso comércio e indústria à propagação de seus produtos e serviços pelas rádios comunitárias da região.Ao dar livre expressão às suas críticas no malfadado email, jamais passou pela cabeça de ninguém que tal ação ficaria impune. Homem que se diz tão inteligente, deveria ter calculado a repercussão negativa que teriam seus comentários e se preparado, democraticamente à, ou rebatê-las no mesmo espaço ou simplesmente ignorá-las, não abrindo o site para vê-las. Fácil não é?Em vez disso, armou uma reunião com a promotoria, o Destak e ele mesmo, instrumentalizando até o Promotor Público, que na melhor das intenções, e desconhecedor da problemática a ele levada em sua casa, achou que alguma forma de compromisso era possível, daí, até o creio, ao permitir o uso de sua sala para isso.

Mas infelizmente não é. Contra a escuridão só a luz funciona. Contra os demagogos de plantão só a verdade nua e crua pode mais. Contra os fascistas de ocasião, só um Nuremberg pode acomodar.

À cada espaço que se fecha, mesmo numa cloaca como a caixa de recados, mais pessoas ficam de fora da discussão, menos vigilância se impõe sobre tudo e todos, figuras públicas ou que almejam sê-lo.

Lamentável, vergonhoso, indigno.

Por, Ricardo Ronda.

Fonte: http://www.destaknovalondrina.com.br/admin/ricardoronda.php?subaction=showfull&id=1306589757&archive=&start_from=&ucat=6&sivu=news

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial



Free counter and web stats