01 abril 2011

1964: Infelizmente, não era mentira!

No dia 1° de abril de 1964, o Brasil acordava com um GOLPE orquestrado por militares, empresários e políticos. Infelizmente, não era mentira. Inaugurava-se duas décadas de censura, tortura e assassinatos em nome de uma suposta segurança nacional. Ainda há muita coisa dessa época que precisa ser estudada e resgatada. Abaixo, algumas charges de Carlos Latuff que nos remetem à reflexão sobre o período.
Por: Cássio Augusto – professor e mestrando.

1 Comentários:

Às 4/4/11 12:53 PM , Blogger Arthurius Maximus disse...

Acho que a covardia máxima foi aceitar a inclusão dos torturadores na Lei de Anistia. Um erro crasso que custará às famílias dos desaparecidos o devido desfecho com a punição dos bárbaros que se esconderam por trás do "cumprimento de ordens".

Infelizmente, muita gente que grita hoje aceitou de bom grado esse fato na época.

Sinceramente não acredito que a Lei de Anistia possa ser revista e nem acho que deva. Já que foi uma escolha de ambos os lados.

Sou favorável a Comissão da Verdade, desde que composta por historiadores e pesquisadores e nãopor essas falsas lideranças que só querem usar a dor das famílias para arrumarem prestígio político.

Conhecer verdadeiramente que fim levaram os desaparecidos e recuperar seus corpos, será o únicoi ato honrado possível a ser feito em nome dos mortos deste período negro de nossa história.

 

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial



Free counter and web stats