15 agosto 2010

“Serra é o genérico. O remédio de marca é a Dilma”. Uma entrevista bombástica

Estes 6 minutos de entrevista valem por 6 meses do jornalismo que a Globo e o PiG (Partido da Imprensa Golpista) vem praticando. O jornalista Paulo Moreira Leite e o cientista social Alberto Carlos Almeida fazem uma análise que desnuda toda a fragilidade e a falta de rumo da campanha tucana, em contraposição a uma robusta candidatura Dilma.

Alguns simbolismos marcam esta entrevista: primeiro, que as críticas à campanha de Serra venham também de Almeida, membro do Instituto Millenium (aquele que reúne os barões do PiG) e mentor da proposição de que Serra deveria duplicar o Bolsa-Família. Segundo fato simbólico, a Globo News permitir esse tipo de conversa, que claramente expõe a fragilidade tucana.

Conhecendo a disciplina partidária da Grande Imprensa, não é absurdo supor que outra entrevista como esta – cheia de análises e com pouca “torcida pró-PSDB” – demore mais alguns semestres para ocorrer.

Fonte: http://www.sediscute.com/2010/08/serra-e-o-generico-o-remedio-de-marca-e.html

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial



Free counter and web stats