21 novembro 2007

Tropa de Elite... chegou a minha vez!!!


Fascista, violento, desnecessário, real, fantástico, forte concorrente ao Oscar, e etc... Muitas já foram as palavras usadas para descrever o filme do momento. Com bastante atraso chegou a minha vez de ver o filme e também exprimir a minha opinião. Penso que o filme é um grande “f*-se!”.

A polícia é corrupta, mal paga e mal equipada. O sistema é corrupto e se você não entrar nele está fora. O Papa está com a conta cheia. A tortura do BOPE não é recomendável e seus heróis não são tão heróicos assim. A classe média e sua falsa moral udenista de discursos, passeatas, mas atolada até o pescoço. As ONGs que fazem vista grosa e dão vida longa formam a indústria da miséria. A sociedade que fecha os olhos para a nossa guerrilha civil e etc... estamos numa grande m* e sem saída. É isso que o filme retrata, mas gosto de filmes assim, que “jogam tudo para o alto”.

Mas como cada cabeça é uma sentença, nada como ler inúmeras opiniões sobre o filme. Gostaria de dar destaque a presença de Foucault no filme. Pelo menos já vi muita gente que foi ler o “Vigiar e Punir” depois de assistir o filme. Pelo menos esse é um lado positivo.

Por fim, antes de ver o filme, ao ouvir os comentários pensava eu que o tal do “Capitão Nascimento” era “O” cara. Feliz engano de minha parte. É um ser humano como outro qualquer, que se emociona e que tem dramas familiares, um herói anti-herói, um grande fanfarrão que tem que pedir pra sair.

E qual a sua opinião sobre o “Tropa de Elite”?

5 Comentários:

Às 22/11/07 3:49 PM , Blogger Robertinha Ribeiro disse...

Bem, esse filme me fez parar para pensar no porquê de o Brasil produzir tantos filmes retratando a violência. Tudo bem, dizem que é um filme real e na falta de melhores histórias, vamos retrtar a realidade, não é mesmo?!
Não.

Falamos tão mal dos EUA, mas é muito difícil vê-los produzindo um filme que fale mal do seu povo, do seu sistema de Governo e muito menos da sua polícia.
Gente, é assim que queremos atrair os turistas?! Já basta a segurança estar ridícula, já bastam os noticiários internacionais sobre isso (vide o último caso, com o italiano). E ainda queriam que concorresse ao Oscar, meu Deus!
É esse tipo de imagem que querem passar?! Oh, venham conhecer nossa polícia em parte corrupta e se alguém te assaltar, chame o Bope!
O Bope estava presente quando tentaram assaltar o pai do turista que morreu? Aliás, nem a polícia, mas essa pelo menos chegou depois.
Com o nosso povo sendo tão sofrido, deveríamos mostrar coisas bonitas e agradáveis aos olhos, formando opiniões de nossas crianças e não fazendo-as crescer alimentando o sonho de ser do Bope e matar/torturar geral.
É lamentável.

 
Às 22/11/07 3:50 PM , Blogger Robertinha Ribeiro disse...

Esqueci de desejar sucesso ao blog, que mal-educada! rs

Empolgação faz isso com a pessoa!

Parabéns pelo blog!

 
Às 25/11/07 12:41 PM , Blogger Prof Toni disse...

Cássio, preocupa-me as pessoas irem ao cinema e buscarem tratados de sociologia ou aulas de história e geografia. É uma arte que pode nos fazer pensar e também divertir, às vezes as duas coisas juntas. Robertinha, posso lhe fazer uma observação? Os EUA produzem muitas coisas críticas ao seu governo e povo sim: Tiros em Columbine, Senhor das Armas, Siriana, Platoon, Nascido em 4 de Julho, Os Simpsons...

 
Às 27/11/07 1:34 AM , Anonymous Márcio Pimenta disse...

Eu gostei muito do filme, com contradições muito interessantes...

Abraços!

 
Às 1/12/07 11:38 AM , Blogger Mauro Sérgio disse...

Olha, gente, justiça seja feita, o que não falta entre entre os intelectuais e artistas americanos é crítica ao modo de vida dos EUA e aos desmandos de seu governo.

O prof Toni citou alguns exemplos e eu acrescentaria ainda Farenheit 11/9, Borat e o hilariante South Park.

Mauro

PS: Valeu, Cássio. Realmente eu queria dar uma divulgada maior no Blog, se você tiver alguma idéia de como fazer isso, estamos abertos a toda e qualquer sugestão!

 

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial



Free counter and web stats