03 junho 2007

Viva a Abolição!


Nossos queridos livros didáticos de história, nos ensinam que, aproveitando-se da ausência do Imperador, a Princesa Isabel, em um ato de bravura, complacência, benevolência, humanidade, clemência, compaixão e etc, assinou a Lei Áurea que tornou os Escravos livres. Que lindo! Mas a História não é tão simples assim.

Primeiro que há tempos o sistema escravista vinha perdendo força, também pela crueldade, mas principalmente porque: desde 1850 proibiu-se o trafego negreiro; as nações Européias pressionavam o Brasil a ter uma classe trabalhadora e conseqüentemente consumidora de bens importados; as matérias primas brasileiras concorriam de forma desleal no mercado mundial porque era feitas com trabalho escravo; os Europeus, devido à crescente industrialização, que trouxe grande miséria principalmente ao campo, precisavam ver-se livres de boa parte de sua população pobre, despachando-os como imigrantes ao Brasil; quando da assinatura da Lei, apenas 5% dos negros eram cativos, pois já existia a Lei do Ventre Livre. Enfim, o Brasil estava em pleno processo de transição para o Capitalismo e o “trabalho livre” era seu carro chefe.

Segundo, o mais preocupante e como bem mostra a figura, com a Abolição, o Estado não preocupou-se em fomentar leis para a inserção dos Negros na sociedade, criando ainda uma sub-classe que existe até hoje. Os Negros que saíam das fazendas trocados pelo trabalho de imigrantes não tinham onde morar (alojaram-se nos morros), não tinha ocupação fixa (vivem de “bicos” e pequenos furtos), não tinham escola (são analfabetos completos ou funcionais). Será que a situação mudou? Esta é uma questão fundamental para entender-se o Brasil do século XX.

7 Comentários:

Às 4/6/07 2:09 PM , Blogger Lara disse...

A história como é contada nunca representa o que houve de fato mas o que a corrente "dominante vencedora" quer que fique registrado! Pena que poucos se esforçam para perceber e criticar isso né?:
bjus

 
Às 6/6/07 2:20 AM , Anonymous Marcio Pimenta disse...

Não tenha dúvidas Cássio. Este fato até hoje deixa marcas. A falta de planejamento nas nossas políticas pode se vista neste belo exemplo que você trouxe.

Abraços!

 
Às 6/6/07 10:25 AM , Anonymous Anônimo disse...

Como dizem, existe a história que é
contada e a verdadeira. E isso é em toda a parte.
A Revolução Farroupilha, conhecida também como Guerra dos Farrapos, é outro exemplo de esploração do negro que convidado a participar, foi-lhe oferecida alforria. Só que os organizadores eram os grandes senhores de escravos do sul. Ao invés de alforria-los, embebedaram-nos e mataram todos na calada da noite de forma vil e traiçoeira. E até hoje querem quenos orgulhemos disso.

 
Às 6/6/07 4:43 PM , Blogger Assaz Atroz disse...

Hoje eu li isto num artigo do professor Mário Maestri:

"Apenas o medo dos grandes proprietários provinciais de ameaçar a escravidão impediu que o Brasil explodisse em constelação de nações independentes, como a América hispânica, quando da crise colonial, em 1822".

Achei muito interessante esse comentário.

.

 
Às 6/6/07 7:07 PM , Anonymous clare disse...

URGENTE!!!! URGENTE!!!URGENTE!!!! URGENTE!!!URGENTE!!!! URGENTE!!!URGENTE!!!! URGENTE!!!



--------------------------------------------------------------------------------


CANCELAMENTO DA TAXA TELEFÔNICA DE R$ 40,37 (residencial) e R$56,08 (comercial).


Quando se trata do interesse da população, nada é divulgado.
Ligue 0800-619619. Não digite nada. Espere para falar com uma atendente.
Diga que é para votar a favor do cancelamento da taxa de telefone fixo.
O Projeto de Lei é o de nº 5476. Eles não sabem até quando vai a votação.
INTERESSE DE TODOS: cancelar a taxa do telefone.
Esse tipo de assunto NÃO é veiculado na TV ou no rádio, porque eles não tem interesse e não estão preocupados com isso.

Então nós é que temos de correr atrás. afinal quem paga somos nós ! O telefone a ser discado, 0800-619619 de 08:00 a 20:00, é da Câmara dos Deputados.
Ligue para mudar esta situação. Passe para frente esta mensagem para o maior número possível. Não pague mais assinatura no telefone fixo. Será uma economia muito grande no final do ano. Ligue... Vamos divulgar. LIGUE: 0800-619619.
Entrando em vigor esta lei, você só pagará pelas ligações efetuadas, acabando com esse roubo que é a assinatura mensal.
Este projeto está tramitando na 'COMISSÃO DE DEFESA DO CONSUMIDOR' na Câmara.
Quantos mais ligarem, maior a chance.
O BRASIL AGRADECE!!

 
Às 7/6/07 1:09 AM , Blogger Marcilon Oliveira disse...

Sua leitura sobre o processo de libertação dos escravoc negros no Brasil é muito lúcida.
Tornar-se-ia mais abrangente se adicionesses a essa questão a visão preconceituosa de alguns próprios abolicionistas do período.
A figura de Euzébio de Queirós é algo que merece muita atenção também.

Mas, me permita ainda, acho que no desfecho você poderia ter sido mais explícito e levantado a bandeira do debate sobre as cotas.

Grande abraço.
Sou seu fã.

 
Às 13/7/07 9:07 PM , Anonymous Anônimo disse...

Oi Cássio, também sou Cássio, moro no RS mais especificamente em POA. Entrei na tua página sem querer, como sou negro me chamou a tenção o seu texto sobre a escravatura, mas, vamos ao que enteressa. Pergunta; Que sub classe pertencemos? Econômica ou intelectual?

 

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial



Free counter and web stats