09 fevereiro 2007

Pré-conceitos


Um show da bela Ivete Sangalo, realizado recentemente em Recife terminou em um tumulto generalizado, com mais de 80 queixas na delegacia e um total de 19 feridos. Você sabia? Você viu esta notícia em um grande telejornal? Se fosse um show de Rock que tivesse 1 único ferido, com certeza você ficaria sabendo.

Aqui em minha cidade tem uma festa Reggae todos os anos, já são 15 edições, mas infelizmente o público vem diminuindo, justamente quando a qualidade da festa vai aumentando, porque? Pré-conceito por parte da população, pensam que por ser uma festa Reggae só vai ter maconheiro, pobres, não conhecem o verdadeiro significado de Paz, Amor e União do Reggae.

Quando Alexandre Pires, completamente bêbado atropelou e matou um motoqueiro, todo mundo o chamou de “coitadinho”, e o nosso astro nem cumpriu pena. O pagodeiro Belo até hoje tem espaço na grande mídia, apesar de comprovado seu envolvimento com o narcotráfico. Ah se fosse alguém do mundo do Rock.

Tudo para dizer que, arruaceiros, maconheiros, brigões e afins tem em todo lugar, no Samba, Rock, Axé, Sertanejo, Reggae, Rap, etc...

3 Comentários:

Às 12/2/07 1:10 AM , Blogger Carlinha disse...

Grande verdade Cássio, mais uma vez. Digo isto porque prefiro o rock e o reggae ao axé ou pagode.
Fazer oquê? Culpa da mídia e dos PRÉ-conceitos do povo!
Beijos!

 
Às 13/2/07 11:32 AM , Anonymous Vinícius disse...

E sem contar o preconceito com o pessoal do Hi Hop também.

Vinícius

 
Às 23/2/07 12:29 PM , Anonymous aldo_cvel@hotmail disse...

puts percebi nos comentários acima citados, e pode ser que eu esteja enganado, mas percebi um pensamento de classificação em relação a cultura, ou seja, uma hierarquização da mesma, em outras palavras uma atribuição de valores positivos e negativos em relação ao gosto musical.
Penso ke seja necessario entender o motivo pelo qual se geram esses preconceitos para com determinados estilos musicais tal como o que foi citado, o rock.
Ao meu ver o pensamento classificatório, que é reflexo do sistema capitalista, é o grande vilão desta história, uma vez que é através deste tipo de postura e pensamento classificatório que as pessoas chegam às suas conclusões de que um determinado tipo de estilo musical é melhor do que o outro.
No meu entender os preconceito só irão acabar a partir do momento em que não se estabeleçam mais estes padrões e modelos de culturas defendidos como "melhores" e "piores" que são ressonancias do sistema capitalista como ja disse antes....

 

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial



Free counter and web stats