06 janeiro 2007

O Novo Salário Mínimo:

É claro que não vou ousar dizer que o valor do novo salário mínimo é um espetáculo, longe disso, ainda mais se comparado com o que ganha os nossos juízes do STF, o mesmo que os deputados querem ganhar.

Mas estou gostando da condução do Governo Federal nesta matéria, em Abril, quando entra em vigor no novo salário de R$ 380,00, o trabalhador terá um ganho real acima da inflação, além do que, este valor terá o maior poder de compra do mínimo desde 1982. Quando Lula assumiu, o mínimo comprava 1,3 cestas básicas, em Abril comprará 2,4.

Além do que, neste pacote inclui a antecipação gradual, mês-a-mês da data base de aumento do mínimo, ou seja, em 2008 o novo mínimo entrará em vigor no mês de Março, em 2009 no mês de Fevereiro e em 2010 já em Janeiro.

Mas o mais importante é que a partir de agora o valor do salário mínimo não estará mais sujeito ao “humor” do Governo ou da Oposição, que escolhiam a esmo o novo valor. A partir de 2008 o novo mínimo será reajustado de acordo com a inflação mais o PIB do ano anterior, uma luta antiga das Centrais Sindicais.

Parabéns às Centrais Sindicais que conseguiram se organizar e possuem um Ministro do Trabalho vindo de suas bases, afinal, Luiz Marinho era presidente da CUT. Será que se o Incra fosse colocado nas mãos de João Pedro Stédile as coisas também fluiriam assim? Eu gostaria de pagar para ver. E o governador de São Paulo, José Serra coloca o mega-empresário Guilherme Afif Domingos para a Secretaria do Trabalho...

2 Comentários:

Às 7/1/07 11:46 AM , Anonymous Márcio Pimenta disse...

O que não gosto desta nova fórmula é a indexação à inflação. Isso já foi feito no passado e os resultados não foram benéficos apesar da boa intenção.

Abraços!

 
Às 7/1/07 2:24 PM , Blogger Dorian disse...

Concordo com o Márcio. A indexação é uma praga. É uma besta-fera que se auto-alimenta. O governo tá chocando o ovo do dragão da inflação. O salário mínimo deveria obedecer a um critério mais objetivo e obedecer a índices de produtividade setorial para ser elevado. Por exemplo: O salário mínimo para quem trabalha no setor de eletrônicos, dependendo do seu grau de produtividade daria aumento maior para seus empregados. Em contrapartida um setor que estivesse em baixa produtividade daria um aumento menor (ou proporcional a sua produtividade). O piso mínimo seria o menor benefício de INSS concedido pelo Governo.

 

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial



Free counter and web stats