12 junho 2006

Reflexões no Dia dos Namorados...

Dia dos Namorados, presentes, beijos e abraços, propagandas melosas na TV, e eu aqui sozinho. É, estou encalhado já a algum tempo, as vezes é bom, não vou negar, mas também tem momentos ruins, como o dia de hoje, tempo de se pensar em monogamia e amor.

A monogamia é uma invenção humana, da cultura e da sociedade, a gene do animal ser humano é poligâmica, o instinto do macho por natureza assim o é. Com o advento do Cristianismo, foi imposto à sociedade que se deve amar e se relacionar com uma só pessoa, e que somente assim se é feliz.

A traição sempre existiu, e sempre vai continuar existindo, esta sociedade hipócrita que vive de aparências. Diz o ditado popular: “crie suas cabras presas, que eu crio os meus bodes soltos”. Ou seja, minha filha ninguém rela, mas meu filho pode tudo. Criamos nossos filhos assim, reféns da hipocrisia, de uma vida de aparências, onde a traição é proibida, mas tolerada. Traição não é só o ato de manter relações com outra pessoa. No período colonial seria: “Branca (e virgem) para casar, mulata para f* e negra para trabalhar”, machismo puro, mas ainda presente. O flerte já é traição, até o desejo e o pensamento são traições. E nesta sociedade consumista e vulgar...

Mas o que é o Amor? Difícil responder, vulgarizou-se por demais esta palavra, este sentimento. Ama-se e desama-se com a maior facilidade, como se trocasse de roupa. Poucos sabem o que é amar de coração. Na fase do ficar, atração virou sinônimo de amar. Creio que não é bem assim. “Amar se aprende amando”. Amor é Paz, é união, é preocupar-se com outra pessoa, e outra pessoa não precisa necessariamente ser do sexo oposto. Amo minha família, meus amigos e meus inimigos. Vivemos uma crise da falta de amor, tantas guerras, fome, contradições, por falta de AMOR...

5 Comentários:

Às 12/6/06 12:54 PM , Blogger GRooVEziNHa disse...

nem fale! hueuehuehue
meu post acabou de ser muito parecido! sorte q eu num li aqui antes, senao tinha saido estranho
hueuheuhueuuehee
mas enfim
^^

eu acredito na fidelidade
sempre fui fiel, ao menos!

;*

 
Às 12/6/06 1:55 PM , Blogger Cássio Augusto disse...

Pois é... ñ quis dizer que eu ñ acredito na fidelidade... só que questiono algumas pessoas que aparentam ser "certinhas" mas no fundo... hehe

 
Às 12/6/06 8:35 PM , Blogger Thai.Violin disse...

Oie!
Teu link já tá lá!
Mas bem..dia dos namorados?!?!
num liguei mto pra isso nao.. afinal das contas..acho um dia puramente comercial...
Sinceramente, nao ligo para presentes, coisas materiais.. acho que palavras, cartas, emails e bilhetinhos nesse dia e nos otos valem mais.. afinal, se é dia dos namorados...tem que ser algo que os represente!
Mas bem.. mto bom o seu texto..... e finalmente.. estou aki!
uhuh
:)
Bjins, Sr Cassio!

 
Às 13/6/06 11:19 AM , Blogger Roger disse...

pois eh
poligamia r0x

\o/

e ao contrário do q alguns podem pensar nunca botei chifre naum viu neguim ^^

gostei do blog

 
Às 19/6/06 2:56 PM , Anonymous ROBERTO disse...

OI,ESTA DATA É MAIS UMA DO CAPITALISMO, BUSCA-SE O COMERCIAL, O CONSUMISMO, NÃO UMA REFLEXÃO DOS VALORES REAIS DO DIA A SER COMEMORADO...ASSIM, É O BRASIL.....ABRAÇOS

 

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial



Free counter and web stats